Moda Consciente


Você sabe de onde vem suas roupas? Quantos litros de água, quais produtos químicos e demais insumos foram necessários para fabricar a blusa que você está usando agora? E quais as condições de trabalho das pessoas que a produziram? São perguntas praticamente impossíveis de serem respondidas, no atual sistema capitalista nos desconectamos com os produtos que consumimos, não sabemos de onde vieram, como foram fabricados e quais serão os impactos no meio ambiente ao serem descartados.

A indústria do vestuário é uma das mais poluentes do mundo, desde o uso de agrotóxicos nas plantações de algodão e produtos químicos na produção de tintas, ao posterior impacto causado no solo pela decomposição das roupas descartadas. O mundo atualmente consome aproximadamente 80 bilhões de peças de roupas por ano, imagina a dimensão das consequências causadas ao meio ambiente?

E ainda não falamos dos impactos sociais, que também são gigantescos, quem assistiu ao documentário The True Cost (sim, está disponível no Netflix! rs) tem uma ideia das condições horrorosas de trabalho das pessoas que trabalham na produção de roupas em Bangladesh. Grandes marcas de países desenvolvidos terceirizam sua produção em países em desenvolvimento e declaram “terceirizar sua responsabilidade”, o que permite a elas pagar um preço baixíssimo pela produção em massa de roupas com qualidade baixa e que entram e saem de tendência como se fossem descartáveis, alimentando o chamado “fast fashion”. Não só grandes marcas, como comércios varejistas populares que vendem roupas a preço de banana muito provavelmente envolveram condições desumanas e exploratórias de trabalho muito próximas de nós, como por exemplo, no Brás e no Bom Retiro, em São Paulo.   

Diante dessa situação, cabe a nós, consumidores, optarmos pelo consumo consciente. Inúmeros brechós e marcas que prezam pela moda ética e sustentável oferecem peças de qualidade que podem compor o seu armário com respeito ao meio ambiente :)

Pretendo usar esse espaço para compartilhar informações sobre looks garimpados, tecidos ecológicos, iniciativas e inovações sustentáveis no mundo da moda e muito mais. Bora refletir sobre nossa responsabilidade como cidadãos do mundo!


Deixe um comentário


Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados